Manuel Santos Maia

Ficha Técnica

“Imagens e totalidades de paisagens ainda mal apreendidas” 2022

A residência artística realizada na freguesia de Candemil teve a duração de uma semana e passou por vários momentos, entre os quais: Reconhecimento do território, observação da arquitetura e paisagem, com recolha de elementos naturais. Contacto com os habitantes de Candemil, registo de história e vivências, com foco na migração e tradições locais. Observação de padrões de bordados de mantas e peças realizada em linho. Criação de estudos na Casa do Artista Jaime Isidoro. Criação dos elementos que constituíram a instalação nas oficinas de cerâmica e serigrafia da bienal. Visita, montagem e partilha da exposição criada para os espaços expositivos de Augusto Canedo, em Gondar. O trabalho foi partilhado diariamente com os colegas, a diretora artística, durante as refeições ou em recepções organizadas pela Mafalda Santos

Manuel Santos Maia
Manuel Santos Maia
Manuel Santos Maia
Manuel Santos Maia